URGENTE

Tocantins tem mais mandados de prisão em aberto do que presos cumprindo pena







Em todo o país, média é de 2,39 presos para cada mandado em aberto, aponta CNJ. Ao todo, 19 estados estão abaixo da média nacional e somente seis têm número acima dessa média.


Um levantamento feito pela GloboNews, com base em dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), mostra que o Tocantins é o estado que proporcionalmente tem mais mandados de prisão em aberto do que pessoas presas. O ranking foi feito a partir das informações do Banco Nacional de Mandados de Prisão e revela a incapacidade das polícias em encontrar suspeitos foragidos da Justiça. O Amapá é o segundo estado da lista.


A Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Tocantins afirmou que o cumprimento de mandados judiciais cabe a todas as forças de segurança, seja no âmbito das polícias preventivas ou repressivas, estaduais ou federais. Informou que tem realizado reuniões para planejar ações integradas e que cumpriu 87 mandados na primeira quinzena de janeiro.


Os dados mostram que o Tocantins tem 4.131 presos cumprindo pena nas unidades penais do estado. Por outro lado, existem 4.216 mandados de prisão em aberto. A relação entre os dados é o pior índice do país: 0,98. Ou seja, a cada pessoa presa existe uma foragida.


Cela superlotada retrata situação das prisões no Tocantins — Foto: Defensoria/Divulgação


A média nacional é de um foragido a cada 2,39 presos. São 300.290 mandados de prisão pendentes, e 718.098 presos em todo o país atualmente. Como existem pessoas com mais de um mandado de prisão em aberto, não é possível saber quantos investigados estão indevidamente em liberdade.

Nenhum comentário