URGENTE

Fez a transferência de veiculo, e constatou que comprou gato por lebre






Porto Velho, RO - Ao adquirir um produto seja qual for, não compre sem ter certeza da procedência do mesmo. Em muitas ocasiões, o barato sai muito caro. E para evitar dores de cabeças e outros problemas, exija que o objeto tenha documentação autêntica do produto ou do veículo de qualquer marca ou modelo. O que aconteceu com o caso do Wendel Emerson P. de 39 anos, que comprou uma motocicleta placa OXL- 5719 e foi até o Detran para fazer a revisão e transferência.

O servidor do Detran notou que a motocicleta estava com a numeração do Chassi adulterada, e o número do motor era de outro veículo, uma motocicleta que consta que foi Roubada, e os documentos entregues na Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos. O funcionário constatou que o CRLV e o DUT eram falsos e reteve o veículo. O Wendel disse que comprou a motocicleta do Joel Carlos S.B de 27 anos, e que pagou ao Célio A. F o qual o Joel devia dinheiro.

Ele mostrou uma procuração falsa, a qual lhe concedia poderes para fazer a transferência do veículo, e a mesma foi apreendida. O Wendel levou os policiais até Joel Carlos, que informou que comprou a moto do João Rufino S.J de 27 anos, por R$ 11.000,00 (Onze mil reais). O João Rufino comprou a moto, dando uma outra moto, e mais R$ 3.000,00 (três mil reais), em abril/2019. E que ele realizou uma permulta com o Joel, pegou com o mesmo, uma motocicleta de maior cilindrada, e mais R$ 5.000,00 (cinco mil reais), e um aparelho de som automotivo, pelo valor de R$ 2.000,00 (dois mil reais).

Quando a viatura seguia para localizar o Célio,ao chegar na rua Sebastião Soares, depararam com um motoqueiro, que estava empinando as rodas da sua moto, em direção da viautura, e bateu na porta traseira causando um amassado. A guarnição tentou desviar, e acabou batendo com o pneu traseiro no meio fio, furando o pneu. Não foi possível anotar a placa da motocicleta, e o condutor evadiu-se do local, tomando rumo ignorado. Eles foram socorridos por uma outra viatura, que os conduziu à Central de Polícia.

Nenhum comentário